Viver em liberdade na natureza. 4


Sempre pensamos que, quando tivéssemos um filho(a) tentaríamos criar e educar próximo do que foi a nossa infância. De pés descalços, soltos na rua, com nossas brincadeiras que se deixavam levar pela imaginação da inocência. Experimentando o que não víamos em panfletos ou na TV, mas sim, o que tínhamos ao nosso alcance.
Quando levamos nossa filha para brincar na natureza, percebemos seu olhar de curiosidade cada vez que toca em uma folha ou árvore, quando brinca com a terra, areia ou água, quando ouve os sons dos animais. É realmente mágico, incrível, fascinante! Uma verdadeira infinidade de possibilidades a serem moldadas, descobertas, contempladas e vivenciadas.
Além de aguçar seus sentimentos, tentamos lhe ensinar a beleza da vida, o privilégio de poder contemplar algo tão simples, mas tão grandioso e importante. Ensinar à ela o respeito a mãe natureza e a importância de a preservar, pois somos um de seus elementos.
Além destas experiências nos aproximar, aproveitamos em família momentos bons, felizes e divertidos, fora da rotina e das responsabilidades diárias. E, além destes momentos ficarem registrados em imagens, certamente ficarão gravados na memória, dela e na nossa.

 


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 pensamentos em “Viver em liberdade na natureza.

  • Cintia

    Dá para sentir a expressão em seu rosto escrevendo esse texto. Suas palavras são cheias de sentimento, de emoção, de verdade… Parabéns pelo blog, está encantador!

  • Diego Denega

    Bom dia Sibele, Alessandro e Manu, sou o Diego, um daqueles 3 que estavam subindo e descendo o Araçatuba que nem uns bobos rs Adorei o blog, muito motivador, já faz um tempo que eu estava querendo iniciar a minha pequena Audrey nas trilhas, mas eu achava que era necessário aguardar mais um pouco, porém vendo que a Manu começou com 8 meses, logo vou “tacar” a guria na trilha, também achei legal as minúcias como alimentação e cuidados que vcs tomam, meu maior medo é em relação ao sol. Qualquer hora fazemos um encontro da Audrey e da Manu pelas belas trilhas do Paraná, parabéns pelo blog, vou ficar aguardando o post da aventura no Araçatuba. Abraços

    • Crescendo na natureza Autor do post

      Olá Diego! Claro que lembramos de ti! Ficamos realmente muito felizes com seu contato e que tenhas curtido o blog. Sua filha irá adorar conhecer e crescer na montanha. Quanto aos receios também temos vários, mas quanto mais trilhas fazemos com nossa pequena, mais confiantes ficamos. Quanto ao sol, realmente precisamos ter muito cuidado, temos um relato falando um pouco disso http://www.crescendonanatureza.com.br/2017/03/17/tibagi-pr/. Desejamos que nos encontremos em breve com nossas pequenas. Na próxima quarta o post do Araçatuba estará no ar! 😉 Abraços.